COLÉGIO MAGNUM CIDADE NOVA

UMA ESCOLA COMPLETA

COLÉGIO MAGNUM CIDADE NOVA

UMA ESCOLA COMPLETA

Notícias  

Entenda o vínculo entre professor e aluno para o processo de aprendizagem e o papel da família

03 junho 2020

O vínculo entre educador e educando é uma das perspectivas mais importantes do processo de aprendizagem. Afinal, o educador desempenha um papel fundamental na formação de cada um de seus alunos, sendo o mediador desse processo.

A priori, com a escola e os coordenadores, professores traçam seus objetivos de ensino, organizam suas aulas e avaliam as melhores metodologias a serem aplicadas. Tudo isso, a fim de traçar um percurso de ensino adequado às necessidades de todos os seus alunos.

E para que a aprendizagem ocorra de forma efetiva, o aluno também precisa desempenhar seu papel. Sobretudo, porque esse processo se constrói a partir da tríade escola, família e aluno. 

Entenda algumas das práticas essenciais para fortalecer esse vínculo e como elas podem contribuir para a aprendizagem do estudante.

O diálogo como ponto central

Toda relação saudável e produtiva se constrói a partir do diálogo. Em casa, é a partir dele que a dinâmica familiar se alicerça. E no vínculo entre professor e aluno, não é diferente.

Para que esse diálogo aconteça de maneira efetiva, o professor deve estar aberto a conhecer cada um de seus alunos, buscando compreender suas peculiaridades, habilidades e pontos a serem desenvolvidos.

De acordo com o filósofo Santo Agostinho, “cada ser é único e deve ser respeitado em sua individualidade”. Segundo a coordenadora de Formação do 6º ao 9º Ano do Ensino Fundamental do Colégio Magnum, Daniela Diniz, esta deve ser a essência do trabalho do educador: compreender as peculiaridades do aluno. “É fundamental que o educador escute o aluno, seja empático e pratique a escuta ativa”. 

Assim como pais e responsáveis que têm dois ou mais filhos, os professores devem compreender as necessidades individuais de cada aluno, facilitando que cada um desenvolva suas habilidades de forma única e especial.

O aluno precisa de um ambiente tranquilo para se posicionar. A relação de confiança com o seu professor favorece que ele se sinta seguro para fazer suas colocações, mesmo que esteja errado. “O professor deve ser capaz de ouvir e conseguir refletir sobre a sua estratégia e condução da compreensão do aluno”, diz Daniela.

Da mesma forma, é essencial que o aluno identifique e valorize o trabalho realizado por seu educador. Afinal, exercitando essas práticas que favorecem o diálogo, o aluno se sentirá mais confiante em realizar trocas que visam favorecer sua aprendizagem. 

Em um contexto de educação a distância, como tem acontecido nesses tempos de isolamento social, o professor deve exercer o mesmo trabalho com seus alunos, mas com o suporte das ferramentas digitais. 

Os pais e familiares devem estar atentos ao comportamento do estudante, buscando compreender suas dificuldades nesse novo formato de estudo. Nesse sentido, o Colégio tem canais de diálogo abertos para dar o apoio necessário para familiares e alunos.

 

A importância do desenvolvimento de habilidades socioemocionais

O vínculo entre professor e aluno não se limita ao currículo obrigatório. O desenvolvimento de habilidades socioemocionais também perpassa a formação do aluno em ambiente escolar. Além de serem essenciais para a formação humana e cidadã do jovem, essas habilidades tornam a aprendizagem um processo ainda mais efetivo.

Segundo a Sociedade Brasileira de Inteligência Emocional (SBIE), habilidades socioemocionais como acolhimento, respeito, empatia e ética despertam a confiança, ajudam na compreensão de emoções individuais e contribuem para uma convivência cooperativa e solidária com o outro. 

Essas habilidades, em grande parte, são repassadas em ambiente familiar. Contudo, o Colégio Magnum acredita no papel que as instituições de ensino têm para contribuir nessa formação socioemocional. Por isso, elas fazem parte da rotina de aprendizagem do Colégio e são comumente trabalhadas nas aulas e em atividades extracurriculares. Quando essas competências são desenvolvidas, o vínculo entre professor e aluno torna-se mais fluido e saudável. Assim, o diálogo também é favorecido.

 

O papel dos sujeitos envolvidos nesse vínculo: família, aluno e professores

Também é essencial refletir sobre o papel de todos os sujeitos envolvidos na construção desse vínculo em prol da aprendizagem: família, alunos, escola e professores. Esse é o tema transversal de 2020 do Magnum: “ressaltar a importância de as famílias e a escola atuarem como uma equipe unida, tendo como objetivo a formação de nossas crianças e jovens”, como destaca o diretor Eldo Pena Couto. Saiba mais aqui.

Quando o aluno se envolve, confia no seu educador, exerce o diálogo e a escuta ativa. A família apoia a formação prática das competências e orienta os filhos na compreensão do trabalho do professor para uma formação transformadora. O professor atinge seus objetivos de ensino e realiza o seu trabalho com base na empatia e no diálogo. É um ciclo vivo de mútua cooperação em prol do conhecimento, da formação humana e da convivência saudável de todos os envolvidos. 

Saiba mais sobre as práticas adotadas pelo Colégio Magnum para a melhoria do processo de aprendizagem dos alunos da instituição.

E se você gostou deste artigo, compartilhe-o em suas redes sociais. Estamos também no Instagram, Facebook, Linkedin, YouTube.